quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Coroado Rei da América, Neymar endeusa Lionel Messi


Neymar
A comparação de quem é melhor não existe mais, mas quando o assunto envolve Lionel Messi e Neymar, não há como não dar destaque.

Eleito melhor jogador das Américas em 2012, Neymar foi ao Uruguai receber o prêmio oferecido pelo jornal El País e, em entrevista coletiva, se derreteu em elogios para Lionel Messi, consagrado pela quarta vez consecutiva como o craque do ano pela Fifa.

— Messi recebeu o prêmio por tudo o que fez na temporada passada. Ninguém pode igualá-lo atualmente.


Mais uma vez questionado sobre a possibilidade de ele próprio ser considerado o melhor do mundo em um futuro próximo, Neymar, que pelo segundo ano consecutivo integrou a lista dos 23 melhores, adotou discurso político. 

— Quero continuar a ajudar o Santos e a seleção brasileira. Ser o melhor será consequência do meu trabalho. Em cada ano trabalho para que seja melhor do que o anterior.