quinta-feira, 5 de abril de 2012

Geraldo Alves discorda que PMDB indique vice do candidato de Sally como Henrique vem sugerindo nos bastidores

FONTE: BLOG MARCOS DANTAS
 
Quem conversou com o Blog nesta quinta-feira (05) foi o ex-prefeito Geraldo Alves, maior liderança do PMDB de Cruzeta. Indagado sobre a possibilidade do deputado Henrique Eduardo Alves, presidente estadual do PMDB, convencer as lideranças do partido em Cruzeta a se compor com o grupo do prefeito José Sally (PSB), o velho peemedebista discordou da ideia.
 
O que eu sofri esses oito anos... Acho que Henrique deveria deixar o PMDB de Cruzeta escolher livremente. Os meus eleitores não aceitam isso. E quem vai responder ao eleitor, caso Henrique force uma coisa dessa, sou eu. De minha vontade isso não vai acontecer em Cruzeta”, afirmou o ex-prefeito Geraldo Alves. Indagado se Henrique ou algum assessor do PMDB estadual teria agendado alguma reunião após a Semana Santa, Geraldo Alves garantiu que essa informação ele só soube através do Blog. 
 
"Até agora ninguém me ligou. Não tem nenhuma conversa agendada com Henrique. Eu só vi que ele e João Maia tiveram uma reunião e a notícia no Blog”, afirmou. Geraldo Alves falou sobre a chapa de oposição e soltou essa: “Estamos trabalhando. Quando morava em Jardim do Seridó, já vi um candidato ser escolhido e depois das 8h da noite mudar de candidato, pois foi quem venceu”, disse. Na semana passada, o PMDB confirmou o estudante de zootecnia Gustavo Medeiros como vice do radialista Hutson Barbosa (PMN), que tem o apoio do empresário Nena da Cerâmica (PMDB).