sábado, 29 de dezembro de 2007

TOMAZ SALUSTINO, UM VISIONARIO DO SERTÃO



Tomaz Salustino Gomes de Melo






Tomaz Salustino Gomes de Melo, nasceu em 06 de setembro de 1880, no sítio Alívio, município de Acari RN,(e faleceu em 30 de junho de 1963 em Natal RN, sendo sepultado em Currais Novos RN, no Cemitério de Santana), de propriedade do seus pais, Cel. Manoel Salustino Gomes de Melo e Dona Ananília Regina de Araújo. Aprimorou as primeiras letras na terra natal, estudando o curso primário, com os professores Felix Ferreira da Silva Segundo e Salustino Aureliano de Medeiros, do magistério escolar do município de Currais Novos RN. Concluiu o curso de preparatórios, sob o regime parcelado, no antigo Atheneu Norte - Riograndense (Natal - RN), no começo do século corrente, tendo sido um dos membros fundadores do Grêmio Literário Le Monde Marche, que tinha por órgão orientador do sodálico e conceituada revista "Oasis". Foi ainda eleito um dos oradores da expressiva agremiação cultural natalense.

Bacharelou - se em Ciências Jurídicas e Sociais pele tradicional Faculdade de Direito de Recife PE, nela tendo colado grau a 17 de dezembro de 1910, uma época marcante para vida literária do meio pernambucano, animado pela presença da convivência de um Tobias Barreto e de um Sílvio Romero, entre os demais nomes de projeção, firmada dentro de sua brilhante geração intelectual.

Ligou - se à terra do nascimento pela dedicação e amor ao trabalho construtivo, fortalecendo - lhe a vocação profissópma; de advogado. Representou o município de Currais Novos RN e Florânia RN, em três legislaturas, além de ter sido deputado à Constituinte (1915), que reformou a Constituição Estadual RN.

Colaborou na imprensa local, através do "Progresso", do "Batel", do "Ninhos das Letras" e da "Voz do Sertão", entre outras publicações representativas da impressa curraisnovense. Autor do primeiro Código de Posturas Municipais, de Currais Novos RN, de 1919, comissionado, pelo governo do município.

Presidente do Diretório Municipal da Liga de Defesa Nacional, em Currais Novos RN, Sócio Correspondente do colendo Instituto Histórico e Geográfico do Rio Grande do Norte, seu nome compõe o Quadro de Sócios, em suas diversas Categorias, publicado a 31 de dezembro de 1932, na Revista do H.I.G.R.G.N., como se vê de sua egrégia Revista do I.H.G.R.G.N., Natal RN - Volumes XXIX a XXXI - 1932 a 1934 - p. 98.

Foi o primeiro curraisnovense a bacharela -se em direito, tendo sido o primeiro Juiz de Direito, designado para a Comarca de Currais Novos RN, criada pela Lei número 453, de 20 de novembro de 1919, sendo por ele instalada, no desempenho do respectivo cargo, exerceu até 1940, quando foi nomeado desembargador do Tribunal de Justiça do Estado RN. Desembargador do egrégio Tribunal de Justiça da Estado (Natal RN), servindo em sua superior judicatura até 15 de abril de 1944, quando se aposentou, deixando de seu tirocínio de magistrado a lição prolatada de sua probidade e de sua integridade.

Voltando à sua terra berço natal, servindo ao progresso da terra curraisnovense, deu - lhe o melhor de sua capacidade realizadora, através de exemplo edificante, em favor da prosperidade da comunidade curraisnovense, pelo nascimento, pelo coração e espírito. Exerceu o Desembargador Tomaz Salustino Gomes de Melo o elevado cargo de Vice - Governador do Estado do Rio Grande do Norte, para o qual foi eleito, juntamente com o Dr. José Augusto Varela, para o período administrativo, de 31 de julho de 1947 a 31 de janeiro de 1951, execultando o respectivo mandato com serenidade e critério. Foi consorciado com Dona Tereza Bezerra Salustino, onde tiveram 13 filhos nascidos na seguinte ordem: José Bezerra Salustino, Antônia Bezerra Salustino Barreto, Manoel Salustino Neto, Sílvio Bezerra de Melo, Ananília Salustino Soares, Giselda Salustino Porto, Venceslina Salustino Dutra, Idália Salustino Aranha, Cleonice Salustino Galvão, Cordélia Salustino, Edgar Bezerra Salustino, Maria Cordélia Salustino Soares e Terezinha Salustino.

Tomaz Salustino Gomes de Melo foi um dos maiores realizador de sua época no Rio Grande do Norte e do Nordeste, homem de visão um verdadeiro visionário, construiu nas Comunicações Campo de Pouso 1946, e um outro Campo de Pouso 1954,( nestes campos de pouso baixavam aviões de Natal RN, Campina Grande PB e João Pessoa PB) e a Rádio Brejuí Ltda. 1959, Cine - Teatro Desembargador Tomaz Salustino, Hotelaria - Tungstênio Hotel 1953, Agencia Bancaria Banco do Brasil S/A 1953, Religiosidade - Capela de Santa Tereza 1954, Educação - Grupo Escolar Manoel Salustino 1952, Saúde - Posto de Puericultura, 1956/57. Mas a sua maior obra foi a social, que vai se manter para sempre nos anais da Historia de Currais Novos RN, do Rio Grande do Norte, do Nordeste, do Brasil e do Mundo.

Nenhum comentário: